O líder também disse que Putin apontou que o forte, a Europa, a par com a forte Rússia é "a coisa certa a receita". Ele admitiu que totalmente, convencer a do presidente da federação RUSSA não conseguiu.

Tal declaração, Obama fez no contexto de discussão de uma crise migratória. O presidente destacou que não é só um problema da UE, mas e o problema dos estados unidos. De acordo com Obama, na Europa, no contexto de uma situação com o afluxo de refugiados se fortalece ультраправый o nacionalismo, que ameaça a união europeia e, em alguns casos é operada por pessoas como Putin.

Na véspera de Obama, falando em Hanôver antes da reunião com os líderes de Alemanha, reino Unido, França e Itália, Angela Merkel, David Cameron, Француа Hollande e Matteo Ренци, disse que a Rússia é o de cooperar com o resto do mundo, e não intimidar seus vizinhos.

Na semana passada, o secretário de imprensa do presidente da federação RUSSA, Dmitry Peskov, disse que a Rússia e a OTAN, observou, "o triunfo completo de desconfiança mútua". Ele ressaltou que Moscou trava hostil etapas da aliança, incluindo o fortalecimento da presença militar da OTAN nas fronteiras da Rússia.